Posts Populares:

Postado por: Ryu sexta-feira, 27 de dezembro de 2013


Demorou... Pra caralho aliás, mas finalmente este dia chegou, eu joguei Sonic Lost World graças ao meu primo que queria comprar um Wii, mas resolveu comprar um Wii U porque além de rodar jogos novos, tem a retrocompatibilidade e tals, além dele ter se interessado em Mario 3D World e nos próximos jogos do console. Um dos jogos que ele comprou foi Sonic Lost World, então a gente jogou, ele não gostou e eu também não.

"AFF RYU LA VAI VOCÊ FALAR MAL DE SONIC DE NOVO SEU NINTENDISTA FILHO DE UMA BISCATE RAMPEIRA VC É HATER DE SONIC E FAZ BULLYING COM ELE"

Sim, eu vou falar mal de um jogo do Sonic outra vez, e nintendista é meu prolato esquerdo, seu fanboy chorão de merda, se ponha em seu lugar! Aliás, qual é a desse papo de falar mal de Sonic e odiá-lo? Eu não faço uma review puramente negativa de Sonic desde Sonic 4: Episode II, que ainda assim essa nem foi uma review tão negativa assim. Eu gostei de Sonic Colors, Sonic Generations, Sonic & All-Stars Racing Transformed e elogiei até Sonic and the Secret Rings aqui num post passado, então encaminhe-se pra auto-fornicação, eu falo mal dos jogos ruins do Sonic assim como todo mundo faz, simples assim.

Então, voltando a Sonic Lost World... Pois é, eu já não estava indo muito com a cara desse jogo pelos trailers e vídeos de gameplay que saiam com o tempo, meus pensamentos sobre isso tudo estavam por toda a parte e eu não sabia o que diabos dizer sobre eles... Só que o jogo me parecia estranho de todas as formas possíveis, em algumas partes ele me agradava, em outras parecia que eu ia chorar só de olhar como pareciam ruins, então eu não sabia direito o que esperar já que não joguei e tinha curiosidade pra jogar.

No fim das contas, eu joguei Sonic Lost World, mais do que o necessário já que terminei a história, o mundo secreto e fui tentar rejogar várias fases pra ver o que diabos esse jogo tinha de me oferecer a mais. O resultado é uma das maiores decepções que eu já tive com um jogo do Sonic, sim, Lost World é um "daqueles" jogos do Sonic... Daqueles que você olha, enxerga um potencial e depois fica horrorizado com o quanto esse potencial foi mal-aproveitado.

Ok...?


Sonic Lost World abre com o Sonic e o Tails a bordo do Tornado perseguindo Eggman, que está com uma cápsula cheia de animais dentro, assim como aquelas que tinham nos jogos clássicos do Sonic, mas aí acaba dando meio errado porque o Tornado é atingido e tá perto de cair. Mas eles acidentalmente descobrem um novo planeta estranho chamado Lost Hex que simplesmente apareceu do nada no meio das nuvens e foi descoberto agora pelo Sonic e o Tails.

Então aterrissando no Lost Hex, eles descobrem que o Eggman já está naquele lugar com seus Badniks e umas criaturas meio encapetadas conhecidas como Zeti. Existem seis Zeti fortões aí que estão do lado do Eggman, esses são Zavok, o líder e grandalhão fortão do grupo, Zazz, o psicopata porradeiro que gosta de se meter em brigas, Zeena, uma personagem feminina que só tá lá porque precisavam adicionar uma mulher no grupo e alegrar o pessoal da Rule34, Master Zik, que é o velhote sábio do grupo e também tem uma semelhança bem estranha com o Mestre Shifu, Zomom, o gordão  que gosta de comer e é burro que nem uma porta, e por último Zor, que é um sujeito tão emo e deprimente que faria o Shadow parecer o Sylvester Stallone.

Então depois de uma introdução, eles vazam, o Sonic dá umas porradas no Zazz, depois se reencontram num deserto onde o Sonic chuta uma concha que o Eggman usava pra assoprar e manter os Deadly Six em seu controle. Só que sem essa concha, os Deadly Six traem o Eggman e tomam controle dos Badniks, o que faz com que eles saiam atirando pra tudo quanto é lado, fazendo o Sonic, o Tails darem no pé assim como Eggman também se escafedeu junto com Orbot e Cubot.

Mais tarde, Sonic e Tails se encontram com Eggman e seus dois robôs, então resolvem juntar suas forças pra lutar contra os Deadly Six e assim livrar o Lost Hex do MAAAAAAL... E mais tarde a Terra também, porque os Deadly Six começam a usar uma máquina que suga a energia vital do planeta e se eles não se apressarem pra ir resolver isso, vai ficar tudo branco e sem vida... Assim como era aquele limbo branco lá do Generations, então é melhor que nossos heróis se apressem.


Olha, eu já vou falar de uma vez, a história desse jogo é uma merda, por vários motivos diferentes, em primeiro lugar, o que exatamente é o Lost Hex? De onde diabos ele surgiu? Que tipo de planeta ele é? Como ele tava voando por aí no céu? Você espera explicações disso vindas desse jogo? Ah, que pena, porque a única coisa que você vai saber é que isso é o Lost Hex, coisa que o Tails sabe por algum motivo, ele fala logo na primeira cutscene "That must be the Lost Hex!" como se soubesse... O que faz sentido já que o Tails costuma ser o nerdão do grupo, ele provavelmente já deve ter lido ou feito alguma pesquisa, só que ele não diz mais nada, e muito menos o Sonic parece curioso sobre esse novo lugar onde eles foram parar, ele simplesmente age como se não fosse nada, e o Eggman também não explica absolutamente nada, já que ele aparentemente estava nesse planeta antes deles.

Mas não para por aí, também tem os Deadly Six, quem são eles? Que raça Zeti é essa que aparentemente habita o Lost Hex? Existem mais desses Zeti por aí? Isso também não é explicado em momento algum, ninguém sabe se esses caras são os únicos Zeti por aí ou se existem mais escondidos nesse planeta por algum motivo. Os Deadly Six surgem do nada, são maus porque talvez o Eggman escravizou eles, ou o clássico "porque sim", daí são derrotados e simplesmente desaparecem perto do final do jogo como se nunca nem tivessem aparecido lá pra início de conversa... É sério!

Os próprios Deadly Six também são estereótipos ambulantes que têm o mesmo carisma de uma pedra, eu posso resumir cada um deles só com uma sentença:

Zavok: "Eu sou do mal!"
Zazz: "Eu sou um maníaco!"
Zeena: "Eu sou feminina!"
Zomom: "Eu sou gordo e gosto de comer!"
Zor: "Eu sou emo!" 
Zik: "Eu sou velho e sábio!"

Eles são exatamente as retratações mais comuns e rasas desse tipo de gente e são tão ridiculamente toscos que eu me recuso a falar mais deles além desses simples resumos de uma sentença só.

E não, nos outros jogos recentes do Sonic tinham histórias minimalistas sim, mas elas faziam sentido. Sonic Colors por exemplo tem os Wisps, são aliens coloridos que viviam em seu planeta natal, mas então o Eggman chegou lá, começou a escravizá-los e usar a energia misteriosa deles com aquelas máquinas pra seus próprios planos malignos e também pra usar nas atrações do parque ou coisa assim. Existem Wisps especiais que seriam aqueles que dão poderes especiais, existe o Yacker e tal, mas você vê zilhões de outros Wisps por aí, são todos da mesma raça que os principais, logo é compreensível, foi uma raça que surgiu no Planet Wisp e começou a se procriar por lá, como aliens em quase todo tipo de ficção... Isso não tem em Sonic Lost World, só mostram essa raça Zeti que surgiu do nada só com esses seis aí e pronto, você tem que aceitar.

Ah, falando em Wisps, eles estão nesse jogo sim, mas por que estão aí? Boa pergunta, porque a história não explica porra nenhuma disso também, os Wisps simplesmente estão lá.

Sabe quando você estava na 1ª série na escola e a professora de Português deixa você fazer uma redação com um tema livre, daí você faz aquela história sem pé e nem cabeça que só faz sentido na sua cabeça? Pois é, a história de Sonic Lost World é exatamente desse jeito, e isso chega a ser tão patético quanto ver o Sonic se transformando num lobisomem elástico ridículo sem explicação alguma... No máximo esse jogo tem umas cenas legaizinhas onde o Sonic e o Tails têm que interagir com o Eggman e tentar se entender com ele, mas fora isso, a narrativa é uma porcaria.

Seriosamente, Sega, já tá na hora de você demitir esses caras e contratarem roteiristas de verdade, eles não acertaram uma desde que entraram aí, Sonic Colors tinha aquelas piadas que só esses caras acharam engraçadas, Sonic Generations parecia um programa da Discovery Kids nas cutscenes e esse jogo é uma mistura dos dois e ainda com problemas próprios de narrativa. Não tem nem por que manter esses roteiristas atuais aí, eles são ainda piores do que o garoto de 12 anos que escreveu os diálogos do primeiro Sonic Adventure.

Claro que nada impede que a Sega lance algum DLC com um tipo de final definitivo que explique toda a história e nos leve a uma conclusão que de fato seja recompensadora e pare de me fazer perguntar o que diabos essa história queria cumprir afinal de contas... Mas até isso seria filha da putagem porque finais assim deviam estar no jogo pra início de conversa e não em um DLC, e é por isso e outros motivos que eu fiquei puto com a Capcom com aquela palha assada lá que foi o final em DLC pra Asura's Wrath.

Tá bom, mudei de ideia sobre a arte...


Bem... Antes eu havia comentado sobre Sonic Lost World parecer ser o jogo mais bonito do Sonic até agora, mas dando uma olhada melhor...  Eu não sei não, passou um tempo desde o último post que eu fiz sobre esse jogo, eu joguei Sonic 2 antes pra fazer uma review aqui e tinha jogado Sonic Generations um pouco pra passar o tempo, e agora que eu vi Sonic Lost World numa tela que não seja vinda de um vídeo do Youtube... Esse jogo parece visualmente meio inferior a Sonic Generations.

Não me entenda errado, Sonic Lost World tecnicamente tem gráficos bons, os modelos são praticamente os mesmos usados nos últimos jogos, os novos personagens são bem feitos também, as cutscenes são bem animadas, o Sonic mesmo tem uns detalhes mais legais que remetem a época do Mega Drive, por exemplo as pernas dele girando como se fosse antigamente, numas partes de queda livre onde você tem que apertar o botão pra ele cair mais rápido, se você demorar e não apertar, ele vai fazer aquela animação de "E aí? Tô esperando você fazer alguma coisa..." igual quando você fica parado com ele nos clássicos... A diferença é que ele faz isso no ar, e foi um toque legal.

Os cenários também são bonitos tecnicamente falando, os efeitos de sombra/luz são ótimos, as texturas são bem detalhadas e existem aquelas pequenas animações também de flores girando ou se mexendo por aí, esse tipo de coisa é legal, mas esse jogo não me convenceu muito que pertence a um console tecnicamente mais avançado. Digo, é um jogo exclusivo do Wii U, que é um console da próxima geração, mas eu sinto como se o PS3 e o Xbox 360 pudessem rodar isso sem problema algum... Talvez seja só impressão, mas não foi esse o jogo que me convenceu que o Wii U é mais potente do que o Xbox 360 ou o PS3, ainda que seja bonito por si só.


Já a parte da direção artística desse jogo... Eu não sei direito o que pensar dele, a princípio Sonic Lost World realmente tava querendo se parecer com um jogo clássico do Sonic, a primeira fase tem aquele estilo parecido com a Green Hill, mas ao mesmo tempo ela não se parece com a Green Hill e é mais similar àquela Jade Hill Zone ou algo assim, fase que originalmente era do falecido Sonic X-Treme, e lá tem esse estilo geométrico característico de Sonic que as vezes te faz sentir jogando um Sonic clássico em 3D. Pelo que você percorre no jogo, outras fases vão se mostrando seguir esse estilo, a Desert Ruins Act 1 parece uma fase no estilo da Sandopolis visualmente, a Frozen Factory Act 3 é uma fase de casino quase exatamente como a Casino Night, e o jogo é cheio de coisas dos clássicos: Badniks, cápsulas com animais dentro, o próprio conceito do Eggman robotizando animais de novo... E eu aprecio esse tipo de coisa, mesmo, só que em outras horas, esse jogo não parece um jogo do Sonic.

Até mesmo na Windy Hill você começa a ver umas coisas um tanto estranhas, apesar da fase ter uma "pegada" dos clássicos, a estrutura dela não se parece com nada vindo deles, não existem aqueles morros que também faziam parte da arte original da série, ao invés disso vemos tubos enormes voando por aí e locais cheios de "blocos" estruturais no chão, daqueles que o Sonic não poderia passar correndo ou rolando porque tem que pular constantemente, além dos pedaços de terra flutuando e planetoides por aí que são obviamente inspirados em Mario Galaxy.

Outras fases do jogo simplesmente não têm nada a ver com Sonic, e eu digo nada mesmo, o exemplo mais claro disso seria a Desert Ruins Act 3 que é uma fase com temática de comida... Ok, né? Sonic Colors tinha uma fase assim e ela era bem bonita até, então o que poderia dar errado aqui? Nada, só o fato de que essa fase é feia pra caralho independente de parecer vinda de um jogo do Sonic ou não. O background dela com comidas aleatoriamente voando no ar tem um tom roxo que fica ocupando quase toda a tela e chega a dar dor nas vistas, e a única coisa que ela tem além disso são caminhos de doces coloridos pelos quais o Sonic corre, ah é, e chocolates que são atirados as vezes... Só, é uma das fases mais visualmente monótonas desse jogo, independente de qualquer coisa.

Eu vou até deixar você olhar as duas fases das quais eu tô falando, qual você acha mais bonita: Essa de Sonic Colors, ou essa desse jogo? É... Foi o que eu pensei.

Já outras fases parecem puramente vindas de um jogo do Mario, principalmente a Tropical Coast, ela é quase que essa fase do Mario, só que em 3D e com estruturas cilíndricas, o que a tornaria essencialmente uma fase de Mario Galaxy e não uma fase de um jogo do Sonic em 3D.

Eu não sei, a arte desse jogo pra mim é um pacote misturado, eu gosto de umas coisas e não gosto de outras, algumas fases são boas e me lembram dos clássicos, outras parecem fases de Mario, ainda que bonitas, e tem aquelas que não são bonitas de jeito algum, meus comentários sobre os visuais desse jogo estão por toda a parte!

Alguém me salve!

Experimental demais e não impressiona em nada particularmente


Ultimamente a Sega andou numa espécie de zona de conforto (Trocadilho não-intencional), primeiro eles fizeram Sonic Unleashed, esse jogo foi uma bosta, nas fases do Sonic e nas do Werehog, cada um ruim da sua própria forma, mas aparentemente as fases do Sonic agradaram umas pessoas aqui e ali e outros viram algum potencial a ser usado nessas fases, eu pessoalmente só achei elas ruins e nada mais, porém a Sega se convenceu que devia usar essa mecânica e tentar melhorá-la nos jogos futuros. No começo eu pensava que isso ia ser uma péssima ideia, mas no fim das contas essa decisão acabou resultando em Sonic Colors, que acabou sendo um jogo bom e até me deixou surpreso, porque eu achei que o jogo ia ser uma boa bosta por causa desse gameplay de Unleashed, só que eles realmente melhoraram, e foi o mesmo com Sonic Generations logo em seguida.

Como Sonic Colors se saiu bem com a crítica e o público, a Sega decidiu repetir a fórmula com suas devidas memórias em Sonic Generations pra ter resultados tão positivos quanto. Ambos não eram os jogos revolucionários que iam trazer o Sonic de volta a sua glória, mas eram jogos genuinamente bons, coisa que o Sonic não tinha há um bom tempo, logo a Sega logicamente poderia continuar nesse caminho até alcançar uma qualidade maior com os próximos jogos.

Mas não, a Sega agora resolveu apostar em uma nova mecânica pro Sonic, assim como foi a transição de Sonic '06 pra Sonic Unleashed... Eu não gostei do som disso quando descobri, não achei que agora ia ser a melhor hora pra isso, mas a Sega é quem faz as decisões afinal de contas, por bem ou por mal. E assim eles decidiram tentar "inovar" de novo com Sonic Lost World, "inovar" no sentido de tentar chupar alguma coisa da Nintendo e adaptar pra Sonic, afinal Sonic Colors tinha uma pequena cara de Mario Galaxy, mas parecia "Sonic" o suficiente pra se salvar de ser acusado de copiar o encanador obeso da Nintendo, inclusive por mim mesmo.

Sonic Lost World no entanto... Não é nem exatamente uma cópia completa de Mario Galaxy, tem influências, mas esse jogo não é uma cópia carbônica de Mario Galaxy, e nem parece muito um jogo do Sonic também. Na verdade o maior problema com Sonic Lost World é justamente isso, esse jogo parece que não sabe o que ele mesmo é, não sabe se quer ser um jogo do Mario, se quer ser um jogo do Sonic, ou se quer ser os dois e no fim das contas isso resulta numa mistureba desajeitada que não dá certo pra nenhum dos lados onde tenta ir.

Mas vamos por partes. Primeiro eu vou falar do Sonic em si e de como ele é controlado nesse jogo, você não mais ganha velocidade gradualmente segurando o analógico em uma determinada direção, ao invés disso, você pode controlar a própria velocidade dele, usando só o analógico, o Sonic apenas vai andar num ritmo mais lento, então se você segurar R, ele começa a correr e fazer a animação de girar as pernas, e a terceira velocidade do jogo seria o Spin Dash. A intenção desse sistema é dar mais controle ao Sonic, já que as vezes era meio difícil controlar o Sonic e fazer algumas seções de platforming que requerem mais precisão nas partes mais lentas, mas esse jogo parece estranho enquanto faz isso.

Em primeiro lugar, o Sonic nesse jogo é lento, ele andando é lento, e quando você faz ele correr segurando R, ele ainda continua lento, só marginalmente mais rápido do que quando você o faz andar. Era pra ele correr mais rápido gradualmente na verdade, acelerando com o tempo até eventualmente ficar rápido, só que isso apenas acontece quando você mantém o Sonic correndo em linha reta, qualquer viradinha que você der com ele e aí pronto, ele perde todo o momentum que tinha conseguido quando corria em linha reta e a velocidade dele diminui dramaticamente, e você tem que desviar de bastante coisa enquanto corre, logo é quase impossível você correr rápido normalmente nesse jogo.

Espera, tem o Spin Dash, não é? Sim, tem o Spin Dash, e ele é basicamente a única maneira de fazer o Sonic ir rápido sem passar por alguma Boost Pad ou coisa do tipo. O Spin Dash desse jogo funciona mais ou menos parecido com o Boost, você segura X e mantém ele segurado pro Sonic continuar indo rápido, e você pode apertar X logo depois de pular assim que o Sonic aterrissar pra continuar com a mesma velocidade, mas sabe... Assim como o boost não me agradava muito antes porque era só segurar ele pra sair atropelando tudo na sua frente, o Spin Dash aqui é basicamente a mesma coisa, a diferença é que ele é a única maneira do Sonic pegar uma velocidade decente, enquanto nos outros jogos ele podia correr rápido sem precisar do Boost. Não era essa a função do Spin Dash antigamente, ele servia pra te dar velocidade instantânea, mas não era overpowered em nenhum sentido porque gradualmente ele ia perdendo momentum e muitas vezes era melhor nem usar ele, aqui é praticamente uma necessidade se você quer ter algum tipo de gameplay com ritmo rápido.

Aliás isso era pra você ter um controle melhor sobre o Sonic... Mas eu não sei qual foi a necessidade, já que eu podia controlar o Sonic perfeitamente bem em Sonic Adventure 2 por exemplo, mas ainda assim, Sonic Lost World consegue ter controles estranhos e "regras" que não fazem muito sentido. Pra início, o pulo do Sonic é bizarro, quando você anda, ele dá um pulo de alcance curto que pode ser incrementado com um pulo duplo, mas quando ele corre e pula, ele dá esse mesmo pulo curto, como se tivesse perdido todo o momentum na hora em que ele foi pular, você espera que ele vá dar aquele salto grande que seria o suficiente pra pular pra plataformas mais distantes, mas aí vê que ele não chega nem na metade e você precisa dar um pulo duplo pra conseguir alcançar o seu objetivo. Saltos longos mesmo ele só dá com o Spin Dash, mas é um saco ter que parar de correr pra usar o Spin Dash e aí pular pra poder fazer o que você quer... Eu tô falando, esse jogo conta inteiramente com o Spin Dash pra você fazer coisas que o Sonic normalmente faria sem ele, eu nunca precisei usar o Boost pra realizar saltos mais longos em Sonic Generations porque o pulo não diminuia a velocidade que eu tinha conseguido lá, então por que isso acontece aqui?

Outro problema é que Sonic Lost World tem o pior Homing Attack que já desgraçou um jogo 3D do Sonic... Puta que me pariu, quem foi o responsável por isso? Você achava que o Homing Attack era automático antes porque mirava em um inimigo e o Sonic ia na direção dele só com o apertar de algum botão? Então prepare-se pra se chocar, porque Sonic Lost World consegue ser mais automático ainda.

Ele mira em vários inimigos na tela e é só você pular e apertar o botão do Homing Attack pro Sonic matar todos os inimigos com a mira colocada neles, todos os que estão na tela são destruídos automaticamente pelo Sonic sem você nem ao menos ter o esforço de ajustar o Sonic no ar pra ele poder mirar em outro inimigo e assim você poder usar o Homing Attack... Por que? Qual era o problema do Homing Attack antes? Era realmente necessário deixar o Homing Attack mais simplificado ainda do que já era?

Existe um outro ataque de chute que serve pra matar outros inimigos que não morrem com um Homing Attack normal ou mandar os inimigos uns nos outros e matar vários em fileira, mas exceto nessas partes onde os inimigos estão posicionados em fileiras, o chute é quase inútil porque o Homing Attack pode ser carregado nesse jogo se você deixar a mira no seu inimigo por um certo tempo, um Homing Attack carregado pode matar qualquer inimigo praticamente sem nenhum problema.

E não é como se o jogo não tivesse seus problemas técnicos também. O Homing Attack só pode ser usado se tiver alguma mira, mas as vezes eu fico perto do inimigo e a maldita mira nem sequer aparece, logo eu acabo pulando em cima dele ou usando um pulo duplo... E as vezes ele mira em inimigos que você nem via na tela, fazendo o Sonic voar lá pro outro lado da fase quando você só queria dar um pulo duplo pra outra plataforma, eu já cheguei a morrer por causa disso em algumas partes, principalmente na Sky Road, é irritante pra caralho, o modo como o Homing Attack funciona nesse jogo é completamente imprevisível.


Mas tá, deixando a velocidade e o Homing Attack de lado, Sonic Lost World também traz uma mecânica de Parkour, coisa que também é ativada segurando R enquanto corre pra passar por qualquer estrutura na qual o Sonic pode escalar, é parecido com o Parkour de Assassin's Creed III e IV nesse sentido, mas tem basicamente os mesmos problemas e alguns novos. Pra início de conversa, o Sonic vai escalar coisas que você não queria que ele escalasse... Isso acontece mais nas partes 2D, mas você não pode nem sonhar em segurar R perto de alguma parede, por mais que você apenas esteja correndo pra se livrar de algum perigo ou coisa assim, o Sonic vai automaticamente subir na parede que tá perto porque o jogo faz isso mesmo que você nem esteja rápido o suficiente pra conseguir subir numa parede. Várias vezes isso aconteceu comigo, o Sonic subia onde eu não queria que ele subisse e eu ficava lá "Não, não é pra você ir aí!", e o Parkour em si não é lá muito intuitivo também, você tem que saltar correndo nas paredes pro Sonic manter uma velocidade constante, as vezes tem que mover ele em "curvas" nas paredes, curvas essas que as vezes ele consegue virar e as vezes ele simplesmente passa pela beirada e cai num abismo. Além de algumas vezes ter que mudar de direção enquanto você corre pela parede é quase uma certeza de morte nas primeiras tentativas, e isso requer prática porque os controles são estranhos nesses momentos e o jogo nunca deixa muito claro como esse negócio funciona, nem se você olhar o próprio tutorial dele.

O Parkour pode ser divertido as vezes depois que você entender exatamente como diabos o jogo quer que você o use, depois de experimentar um monte de coisa diferente com ele. Não é tão quebrado quanto o Homing Attack, mas ainda precisava de uma bela polida pra ser aproveitado completamente, e eu realmente gostei da ideia de ter um sistema de Parkour em um jogo do Sonic, afinal ele meio que faz Parkour pelas fases, passa correndo, salta pra lá e pra cá, corre em paredes, e mais um monte de coisa que lembra mesmo Parkour... Só que o jogo não aproveita o potencial dessa ideia e o que você vê é mais um conceito bom mal-executado em um jogo do Sonic... Que novidade, a Sega nunca fez isso antes... Mas ao menos o Parkour em maior parte é opcional nas fases, e as poucas partes em que ele é mandatório são simples e podem ser percorridas até na primeira tentativa.

Sonic Lost World tem um mapa do mundo que na verdade só serve como uma espécie de menu onde você vai pras fases ou pros minigames que têm no jogo, e aí é a hora de dar uma olhada nas próprias fases... Honestamente, eu não fiquei impressionado com quase nenhuma das fases desse jogo, algumas fases usam um gameplay cilíndrico que lembra Mario Galaxy, mas não têm aquele platforming de gravidade e nem são tão abertas quanto. As fases cilíndricas nesse jogo basicamente se resumem a correr por tubos cheios de inimigos e alguns caminhos alternativos que na maioria das vezes dão no mesmo lugar e faz pouca diferença pegar ou não pegar, usualmente é só pra pegar um Red Ring que tá em outro caminho, ou em algum lugar da fase que você devia usar o Parkour ou outro recurso pra explorar... Quando você não corre por tubos, você para em uns planetoides igual Mario Galaxy onde você normalmente tem que matar inimigos ou resolver um puzzle besta.

As fases são consideravelmente lineares, até mesmo as que não são tubulares, como a Desert Ruins Act 1, não é tubular, mas você praticamente só corre em linha reta e passa por obstáculos, a falta de mais formas de relevo que eram presentes em Sonic acaba ficando mais aparente nesse jogo, quase não existem nada além de superfícies planas com umas partes elevadas que você tem que pular pra alcançar ou usar o Parkour.

Especialmente nas partes 2D, elas são mais lineares ainda, a maioria só tem um único caminho a se seguir e elas mal dão espaço pro Sonic correr direito, sem falar que o Sonic bizarramente parece mais lento ainda nelas do que nas partes em 3D, quando eu passei por um loop nessa parte esperando que o Sonic vá ganhar velocidade com isso, ele foi lento no loop e saiu lento, isso é brochante, como se passar por um loop nem fizesse diferença no fim das contas, não serve pra eye candy e nem pra ganhar alguma velocidade. As poucas partes onde o Sonic corre rápido são automáticas e o level design não tem nada único de verdade e muito menos deixa o jogo fluir como deveria, e não ajuda muito que o gameplay também não flui muito bem pra início de conversa, especialmente pra correr e pular, que é o mais básico que o Sonic pode fazer... É como se o Sonic tivesse sido jogado num platformer genérico que foi inspirado no que a série já foi há anos atrás, mas falha miseravelmente em capturar o que fazia Sonic ser bom antes.

Quando as fases não são tediosas, elas são difíceis, não porque são desafiadoras, mas porque o level design as vezes tem um posicionamento de obstáculos horrível. Um exemplo disso é na Lava Mountain Act 2 onde ele escorrega em rails num gameplay 2D e tem que desviar de carros de mina que aparecem por aí, igual Donkey Kong Country, mas pior, essa fase conta puramente com memorização, eu perdi a conta de quantas vezes eu morri nela porque eu desviei de um obstáculo e quando eu mal terminei de desviar desse, um outro já aparecia na frente e nem me dava tempo pra reagir, ou eu simplesmente não podia fazer nada além de ser atingido porque eu já usei o pulo duplo pra passar por exemplo de uns três carros de mina enfileirados sem esperar que um outro ia vir logo em seguida quando eu nem aterrissei na rail direito aí eu morri... Sim, morri, porque pra adicionar insulto ao ferimento, os carros de mina que ficam mal-posicionados são aqueles explosivos que te matam na hora, nem tiram anéis e nem nada, só explodem e fazem o Sonic cair da rail pra sua morte.

Outras partes onde o jogo consegue ser rápido é quando você pega um canhão aleatoriamente numa fase e ele te manda pra um tubo onde o Sonic corre automaticamente e não tem como parar ele, logo você só tem que desviar dos obstáculos e inimigos que as vezes têm posicionamentos ridículos. Várias vezes eu desviei de um inimigo pulando por cima dele pra logo depois eu ser surpreendido por uma bola de espinho que rolava pelos lados ali e eu não tive tempo de desviar dela porque o Sonic só continuava indo pra frente.

O pior é quando tem fases puramente automáticas como a Desert Ruins Act 2 onde você começa correndo, tem que desviar de obstáculos e inimigos, e se o Sonic bater numa parede, ele morre instantaneamente... Interprete isso como as Mach Speed Zones lá de Sonic '06, só que menos quebradas e com controles decentes, mas ainda acho muito retardado que batendo numa parede, o Sonic morre, por que? Ele já bateu na parede várias vezes em outros jogos quando corria rápido e simplesmente parou e depois voltou a correr... Se você não contar Sonic '06 onde ele faz um Breakdance na parede até a morte, claro... Mas então você tá me dizendo que esse jogo tá usando uma escolha de design vinda de Sonic '06? E ainda por cima uma das piores delas? Fala sério...

Basicamente, nessas fases normais do jogo, você passa correndo, as vezes tem que explorar e achar umas cápsulas de animais pra poder progredir no jogo, que só abre mundos/zonas novas quando você resgata um número determinado de animais. Lembra daquela exploração forçada que tinha em Sonic Unleashed? É parecido aqui, mas ao menos você não tem que jogar com o Werehog pra poder explorar as fases, e é amenizado também por umas fases de Carnival que são uns minigames que te dão animais praticamente de graça porque a maioria deles são bem simples... E você também pode usar os escudos elementais passando pelas fasese e ganhando eles como brinde, mas eu honestamente ia preferir achar eles pelas fases mesmo, mas não é como se eles fossem muito úteis também, só o Thunder Shield serve pra atrair anéis que estão próximos.


Além das fases normais, o Sonic praticamente faz de tudo nesse jogo. Em umas partes da Tropical Coast ele tem que ficar guiando frutas que estão vivas e querem matar ele por sei lá qual motivo até um triturador pra então elas serem trituradas e fazerem uma espécie de jato de suco que leva ele pra outra seção da fase onde ele tem que fazer mais ou menos a mesma coisa, só que com terrenos diferentes. Foi tedioso na primeira vez e continuou sendo até eu finalmente terminar essa fase, além de que o jato de suco já chegou a me matar uma vez, eu simplesmente fui nele e ele me levou até outra parte da fase, mas por algum motivo eu fui jogado num abismo ao invés de ir parar onde eu devia no território da fase, e eu nem apertei botão nenhum... Então tem um Act da Frozen Factory que o Sonic rola automaticamente até ficar dentro de uma bola de neve sem nenhum motivo aparente e agora você tem que guiar ele como uma bola de neve até o final da fase lidando com controles escorregadios, qualquer batidinha que você der em qualquer coisa te manda lá pra próxima terça-feira e você perde uma vida... Por que o Sonic tem que percorrer essa fase como uma bola e neve? Por que ele não pode passar por ela normalmente? Essa fase é chata demais, céus!

Mas se você pensa que a pior parte de gameplay alternativo desse jogo é essa, ah menino, você ainda não viu o Act da Sky Road em que o Sonic fica voando... De novo, sem nenhum motivo aparente, e ele é horrível de controlar e manter em uma altitude boa, você tem que apertar um botão pra ele subir e girar ao mesmo tempo pra matar inimigos e evitar que você caia no abismo... Ou desviar dos inimigos com esses controles horríveis, é desajeitado fazer as duas coisas praticamente, e assim como você já deve ter adivinhado, não é nem um pouco divertido. Eu nem sei por que diabos o Sonic pode voar de repente, por acaso ele tomou umas aulas com o Superman? Pra que ele precisa do Tornado do Tails numa das fases do Hidden World mais lá pra frente se ele pode simplesmente voar por si mesmo então?

Aliás, sim, tem o Hidden World nesse jogo, que é acessado depois que você termina o jogo, e o que tem lá são mais minigames e nenhum é realmente interessante o suficiente e eu nem joguei essa parte do jogo profundamente pra poder falar direito aqui. Eu sei que tem um minigame de ficar acertando partes de um cubo mágico que se levantam pra depois ser transportado pro outro lado do cubo onde você faz a mesma coisa, a parte onde você escapa de uma espécie de Pac-Man peludo que fica te perseguindo pela fase toda que é um monte de plataformas com um abismo enorme embaixo, depois tem um minigame com o Tornado, um outro que tem que ficar usando umas plataformas que se mexem sozinhas e desaparecem quando chocam com alguma coisa sólida, aí o segredo é mudar na hora certa... É por aí.

Pra terminar, o jogo tem os Wisps, que inexplicavelmente vivem no Lost Hex e não são tão divertidos de usar porque eles são só uma maneira tosca de fazer você usar o Gamepad do Wii U. Os Wisps de antes como Drill, Laser, etc podem ser usados com o controle normal, mas os outros? Nope, Gamepad, e todos eles são estranhos, o Eagle é controlado pelo sensor de movimento do Gamepad e os controles são horríveis, ele raramente obedece os comandos com precisão e quase sempre que eu o uso, eu bato em alguma coisa, destransformo de volta pro Sonic e caio pra minha morte, ou pra algum caminho embaixo. E os outros são simplesmente inúteis, o Rythm usa o Touchpad pra... Tocar uma direção pro Sonic ir, eu acho... O Bomb eu nem sei pra que diabos serve, você rola e explode... Tá... e o Asteroid é ok ele destrói partes do cenário e é só mexer o Gamepad pro lado sem ligar pra nada, mas... Nada especial também, eu normalmente nem uso os Wisps no geral porque eles nem são tão divertidos de usar igual eram antes.

Ah é, eu já te falei que coletando 100 anéis, você não ganha uma vida? Sim, eu não tô brincando, você não ganha uma vida quando coleta 100 anéis nesse jogo, então não tem nem motivos pra você se importar em pegar anéis na fase de Casino do jogo a menos que seja pra manter sua vida ou pra conseguir pontos altos, as partes de Pinball que normalmente eram usadas por mim pra conseguir várias vidas extras fáceis com a máquina caça-níqueis agora é só um minigame besta obrigatório que eu tenho que passar logo pra progredir nas fases...

A dificuldade pra achar vidas nesse jogo é completamente incoerente com a dificuldade de certas fases onde você morre várias vezes tentando pegar Red Rings que estão em locais onde morrer é extremamente fácil, ou explorando usando um Parkour instável, ou só lidando com falhas do Homing Attack ou level designs ruins. Existem várias coisas que podem te levar a morrer nesse jogo, e ter um Game Over nisso pra repetir as fases de novo é a pior coisa que pode acontecer. Coletando todos os Red Rings, você ganha Chaos Emeralds e libera o Super Sonic pra ser usado, mas eu não liberei porque não tenho saco pra ficar morrendo enquanto tento pegar essas merdas, então não sei como é jogar com o Super Sonic e nem me interesso em saber também.

E eu não quero nem comentar sobre o quanto os bosses desse jogo são ridículos, todos eles sem exceção, as lutas contra o Deadly Six são ofensivamente fáceis, talvez só as do Zavok tinham algum desafio de verdade, mas ainda assim nem tanto também. E o Final Boss é praticamente uma versão mais fácil ainda do Final Boss que tinha em Sonic Colors... Tá certo, Sonic não é conhecido por ter os melhores bosses de todos os tempos, mas levando em conta que Sonic Generations tinha bosses bons, coisa que nem eu mesmo esperava, eu achei que esse ia dar algum jeito de melhorar.

Jogar com o Sonic normalmente é ok apesar dele ser lento e o Parkour nem sempre funcionar direito, mas seria melhor se a Sega focasse em polir esse gameplay dele ao invés de ficar enfiando partes de vôo, controlar bolas de neve e coisas do tipo que não têm nada a ver com Sonic e muito menos foram pedidas por ninguém. Tá vendo só por que eu não quero outros personagens jogáveis em jogos do Sonic? A Sega sempre tenta injetar gameplay alternativo de uma forma ou de outra na série, e se eles deram conta de fazer essa bagunça toda só com o Sonic sendo jogável, imagina se esse jogo tiver toda a trupe de Springfield igual Sonic '06.

Como um extra maior, existe um DLC gratuito baseado em Yoshi's Island e vai ter mais um baseado em Zelda que foi revelado sutilmente numa imagem, quando você pensava que a Sega não poderia se vender mais ainda pra Nintendo, isso acontece... Quem jogava Sonic nos anos 90 nunca, mas NUNCA imaginaria uma merda dessas acontecendo nem em um sonho!

Mas tá bom, então como é a fase? Bem... O visual dela parece mais Yarn Yoshi do que Yoshi's Island, você resgata ovos do Yoshi que podem ser encontrados em blocos por aí, você coleta moedas que substituem os anéis, entra por canos... É, o Sonic entrando pelo cano nesse jogo, a própria animação dele entrando pelo cano poderia ser usada aqui nesse post ao invés de um texto inteiro só pra resumir Sonic Lost World... Só não é mais apropriado do que ele morrendo lá em Sonic '06.

Onde eu estava? Ah sim, no cano, então, você entra por canos, luta contra inimigos do Mario, o level design é a mesma coisa das fases 2D normais desse jogo e o gameplay é o mesmo, só que agora tendo ovos do Yoshi te acompanhando, e assim como as partes 2D normais do jogo, essa fase também é monótona, mas tem um bom motivo pra jogar ela: Os ovos do Yoshi que você resgata valem uma vida cada.

... Pera, então esse DLC de graça te dá vidas de graça praticamente, então aquele pack de 20 vidas que a Sega tava vendendo antes do jogo lançar acabou ficando sem propósito e quem foi imbecil o suficiente pra comprar ele a essa hora já deve ter se enforcado... Boa, Sega!

As músicas pelo menos são consistentemente boas

Mas o que diabos tá acontecendo aqui?
Apesar de tudo, Sonic Lost World ainda mantém a tradição de Sonic ter trilhas sonoras boas independente do quão ruim os seus jogos são... Há exceções, claro, mas a desse é só mais uma pra lista de trilhas sonoras boas de Sonic. As músicas continuam sendo agitadas, dessa vez elas vão pra um lado mais orquestral em comparação com Sonic Colors que era um pouco mais variado, mas no fim das contas tem várias músicas boas aqui, Windy Hill, Frozen Factory Act 1, Tropical Coast Act 3, Desert Ruins Act 1, Lava Mountain... E principalmente o rock orquestrado dos caralho que toca no final boss, cara, como aquela música chuta bundas! Não é tudo uma maravilha, claro, o jogo tem lá suas músicas esquecíveis ou até "nada a ver", por exemplo a música de boss quando você enfrenta um dos Deadly Six, aquilo é ruim a nível da música do Coco Bongo que tocava nas lutas do Werehog.

A dublagem é decente, aqui já percorremos um caminho relativamente longo desde 2010 e eu realmente tô 100% acostumado com a nova dublagem. O Roger Craig Smith já soa bem como Sonic, até melhor do que o Jason Griffith algumas vezes, sempre gostei da nova voz do Tails, o Mike Pollock continua sendo ótimo como Eggman. E os Deadly Six são decentes, eu acho, as vozes deles combinam com cada um, o Zavok tendo uma voz mais grossa como a de um vilão frio, a Zeena tendo aquela voz feminina de mulher chatinha, o Mestre Shifu tem voz de velho resmungão, o Zor soa exatamente igual um emo da atualidade, o Zazz soa igual um maníaco e o Zomom tem a típica voz de gordo burrão... Nada errado por aqui.

Considerações finais

Como eu disse lá em cima, Sonic Lost World não é uma cópia carbônica de Mario Galaxy, mas não parece um jogo do Sonic também. Esse jogo quase não tem uma identidade definida pra início de conversa, é completamente experimental, tenta fazer de tudo, mas sofre exatamente por causa disso, Colors e Generations tinham suas gimmicks, mas tinham só um gameplay principal que foi bem-trabalhado... Dois no caso do Generations porque tem o Classic Sonic, mas ainda assim ele foi montado em cima da mecânica do Modern Sonic e só teve umas alterações pra ficar mais próximo do gameplay clássico. E eu prefiro isso do que o jogo enfiar milhões de gameplays e gimmicks diferentes sem polir nada, e o resultado não podia ser outro, Sonic Lost World é uma experimentação enorme e não é bem-sucedido em quase nada do que tenta fazer, seja por falta de polimento ou simplesmente por conceitos que já eram imbecis pra início de conversa.

Quase como se o Sonic estivesse... Perdido em seu próprio mundo... Heheh, eu sou muito espertão.

É uma pena, porque eu realmente queria gostar de Sonic Lost World, eu provavelmente fiz o jogo parecer a pior coisa do mundo nessa review, mas a verdade é que ele nem é tão horrível assim, é jogável na melhor das hipóteses, não é o pior jogo do Sonic... Mas ainda é ruim pros padrões que Colors e Generations estabeleceram. Sonic Lost World por um mísero período de tempo pareceu estar indo na direção certa, com todas essas referências aos clássicos, ele tem um pequeno charme que infelizmente não dura muito e aí no fim das contas, é mais um jogo do Sonic que deixa aquela velha decepção que eu não sentia desde quando joguei Sonic Unleashed pela primeira vez. E eu espero que a Sega nem insista nessa fórmula, se for pra ter mais jogos desse jeito, eu prefiro que voltem com um jogo com boost moderado igual Sonic Colors, mas o level design indo mais pro lado do Generations que é mais fiel a estrutura original de fases de Sonic.

Então isso foi Sonic Lost World, é brochante, mas eu já não tava com expectativas muito elevadas mesmo, então ok. Agora vou ver se Mario 3D World é bom ou nah enquanto ainda posso e talvez postar uma review do jogo aqui se eu conseguir terminar tudo, se matem aí, e não esperem um monte de reviews de jogos de Wii U porque eu não tenho um, só tá por aqui momentaneamente e no fim do ano já nem vai estar mais.

Prós:

+ Gráficos bonitos.
+ Umas referências e alusões aos jogos do Mega Drive.
+ Ao menos o Parkour é uma boa ideia.
+ Trilha sonora boa como quase sempre.

Contras:

- Pena que a boa ideia do Parkour não é completamente aproveitada.
- Vários experimentos no gameplay e nenhum deles se sai particularmente bem.
- Esse Homing Attack... Sério...
- O level design é geralmente inofensivo, mas quando é ruim, é muito ruim.
- Narrativa horrenda.

Gráficos: 8/10
Enredo: 3/10
Gameplay: 4/10
Som: 8/10
Conteúdo extra: 5/10

Veredicto:

P.S: Me lembra de dar um prêmio pro cara aí que comentou que eu ia postar uma review desse jogo com nota 4 ou menos.

{ 83 comentários }

  1. A Zueira não tem limites! E a postagem tá foda como sempre! Ryu é um ótimo crítico até porque não chupa as tetas dos jogos ou da empresa. Você tem meu respeito, companheiro.

    ResponderExcluir
  2. Eu falei que esse jogo é uma merda huehuehueh

    ResponderExcluir
  3. ele liga pra historia em sonic vamo rir glr llllllkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  4. E o Sonic Cycle que o Colors quebrou foi erguido de novo


    parabéns Sonic Lost World, vc brilhou!

    ResponderExcluir
  5. A Sega quer que eu ligue, caso contrário não teria tanta cutscene no jogo, e o fato dela não ser o foco não torna ela menos pior.

    ResponderExcluir
  6. "Mas não para por aí, também tem os Deadly Six, quem são eles? Que raça Zeti é essa que aparentemente habita o Lost Hex? Existem mais desses Zeti por aí?"



    Eu acho que esse é um problema do Sonic no geral, a série tem criaturas diferentes aos montes, mas eles são os únicos das suas espécies, o Sonic, o Shadow, o Silver e a Amy são os únicos hedgehogs, o Knuckles é o único echidna (mas esse é explicado o porque dele ser o único), a Rouge é a única morcega, o Tails é a única raposa e assim vai indo, onde estão os outros? Existem outros animais assim? E por que uns animais como o Sonic e os amigos dele são furries e outros são animais normais igual aqueles cachorros que tem no Sonic 06?


    Sonic é cheio dessas inconsistencias...

    ResponderExcluir
  7. É, eu devia ter me acostumado, mas ainda me incomoda o quanto a Sega é descuidada com a lógica desse negócio todo, é por essas e outras que eu sempre disse que sou a favor de um reboot.

    ResponderExcluir
  8. Eu gostei desse jogo.... ):

    ResponderExcluir
  9. Quando o Sonic tá rápido reclamam, quando ele tá lento reclamam também, fã de Sonic é um saco mesmo, pqp, NADA tá bom pra esse povo, vão jogar os Sonics antigos então e parem de reclamar dos novos

    ResponderExcluir
  10. Já ouviu falar em balanceamento? Não é porque uma coisa está em um extremo que você leva pro outro, e a Sega sempre faz isso, pra eles é 8 ou 80, e gente que nem você que engole qualquer merda que eles fazem é o que estraga Sonic de verdade.


    E o mesmo pode ser dito pra você: Vai jogar os jogos novos do Sonic então e para de reclamar de quem reclama dos novos.

    ResponderExcluir
  11. Se bem que no caso desse jogo, ninguém chupou as tetas dele ou da Sega, eu acho.

    ResponderExcluir
  12. E quando fanboy vem chorar no blog os cara não se identifica

    É de come o cu da buceta msm hein

    ResponderExcluir
  13. Anonymous é só com um n seu animal

    ResponderExcluir
  14. huehuehueheuheuheuheuheuheuheuehue

    ResponderExcluir
  15. Além de fanboy, é analfabeto.

    É de come o cu da buceta msm hein [2]

    ResponderExcluir
  16. No de Wii U até que é rapidinho quando você usa o Spin Dash, já o de 3DS eu nem sei.

    ResponderExcluir
  17. Pois é, nunca mais eu confio em trailers.

    ResponderExcluir
  18. Agora tem que ver se algum outro vai quebrar de novo.

    ResponderExcluir
  19. HUIAEHAIUOEHAOIUHEIUOAHEU


    Ryu bipolar.

    ResponderExcluir
  20. Eu também gostei, não tanto quanto eu achei que ia gostar, mas achei legalzim.

    ResponderExcluir
  21. Esse pulo do Sonic que você mencionou me incomodou mais do que a velocidade ou o Homming Attack, quase toda hora eu pulava e usava o pulo duplo porque mesmo correndo o Sonic dá um pulo tão pesado que parece uma bola de chumbo.

    ResponderExcluir
  22. Por isso que eu não levo Sonic tão a sério pra ligar pra história igual a maioria dos fãs fazem.

    ResponderExcluir
  23. Pelo menos o pulo dá pra resolver carregando com o Spin Dash ou usando o pulo duplo, já esse Homing Attack é uma bosta, nunca mais façam uma merda dessas de novo.

    ResponderExcluir
  24. O Sonic disse no Detona Ralph que se você morrer fora do seu jogo, você morre de uma vez e não volta depois com outra vida. Será que ele tomou cuidado extra nesse DLC do Yoshi's Island? =P

    ResponderExcluir
  25. Still better than Sonic 06

    ResponderExcluir
  26. "Quase como se o Sonic estivesse... Perdido em seu próprio mundo..."

    ResponderExcluir
  27. http://unitedgamersbrasil.blogspot.com.br/2013/12/analisesonic-lost-world3ds.html?



    Gosto do United Gamers, mas sério? 8? 8??? COMO ELES TEM CORAGEM DE BOTAR 8 EM UM JOGO DESSES???


    ...Ah tá, não foi o Shadow Mario ou o GF que fez o post. Mas 8 foi pra fuder em, se esse tal de André Bia estiver lendo isso, quero que explique o porquê do 8.

    ResponderExcluir
  28. Acho que depende muito do ponto de vista nesse caso, eu tenho uns amigos que gostaram desse jogo e outros que odiaram, cada um por seus próprios motivos, e até com a crítica tá meio assim.

    ResponderExcluir
  29. Ele disse "Grande fator replay". Joguei 10 minutos no meu Wii U e já tava achando tediante, por isso troquei pelo Super Mario 3D World, que tá bem melhor no caso.

    ResponderExcluir
  30. Replay esse jogo até tem, coletar os Red Rings, as cápsulas de animais e tal, mas não me senti motivado a isso.

    ResponderExcluir
  31. Aquela DLC do Yoshi me deu nojo. Tão falando que a próxima vai ser de Zelda, PQP! A Sega tá querendo matar o Sonic, pelo que vi.

    ResponderExcluir
  32. Eu ia preferir se fosse alguma DLC de algum jogo relacionado a Sega, uma fase do Ristar ou alguma coisa assim, mas se a própria Sega esquece dos jogos antigos dela...

    ResponderExcluir
  33. Tá aqui o seu Sonic Adventure 3! HUEHUEHUEHUEHUEHUE

    ResponderExcluir
  34. Que nem o trailer do Deadpool. Muito massa, mas o jogo fede a bosta no verão.

    ResponderExcluir
  35. Alex Kidd talvez? Ficaria bacana. Tá ai um jogo que ficaria perfeito em 3D, ao contrário de Sonic, que só prestou na fase 2D mesmo.

    ResponderExcluir
  36. Eu sou o André Bia, pessoalmente gostei desse jogo imenso, mas tem os seu problemas,pois tem certos níveis que quase me quiseram mandar o 3DS pela janela e os Special Stages eu nem sei o que deu na Sega fazer os Special Stages com controles de movimento... são os piores que a série já teve SÉRIO,eles controlam-se mal e são muito cansativos.
    Quanto ao fator replay, pelo menos na 3DS tem muito que fazer como já afirmei na minha análise(apanhar red ring,ter S, modo difícil,online,etc).
    Eu respeito a opinião de cada um e não fico por aí a disser coisas como o Ryu disse no início da análise,quando um jogo recebe uma nota que eu pessoalmente não concordo.

    ResponderExcluir
  37. Não sei se entendi, eu disse alguma coisa ofensiva lá no começo do post? Normalmente eu faço isso como piada, mas não vi nada demais mesmo.

    ResponderExcluir
  38. O que quis dizer no fundo é que não sou um fanboy que começa a ofender a pessoa que disse uma opinião que eu não concordo como já vi aqui e em muitos outros sites.

    ResponderExcluir
  39. Ah sim, a insinuação do fanboy lá. Eu também não sou desse jeito, só se a pessoa me der motivos, mas ainda assim nem costumo ofender de verdade, só faço uma piada ou outra com tal pessoa.

    ResponderExcluir
  40. Tive a ver a DLC do Yoshi, eu nem acreditei quando vi aquilo sério, achei muito monótono e nada Sonic, eu nem quero ver com como será do The Legend of Zelda sério espero que a Sega não dê uma espada e escudo e fazer um gameplay tipo Sonic The Black Night

    ResponderExcluir
  41. Esse DLC só serviu pra ganhar vida de graça, nada mais. E eu não duvido de darem uma espada pro Sonic outra vez na fase baseada em Zelda, a Sega parece estar querendo "inventar moda" pro Sonic de novo.

    ResponderExcluir
  42. "Seriosamente, Sega, já tá na hora de você demitir esses caras e contratarem roteiristas de verdade"


    Deus te ouça, rapaz

    ResponderExcluir
  43. Vários reviews reclamaram do pulo do Sonic, mas se limitavam a dizer que estava estranho e que perdia o ritmo. Você conseguiu explicar esse problema com mais detalhe.

    ResponderExcluir
  44. Foi o que eu notei na maioria dos que eu li, eles falavam do pulo, mas não sabiam explicar por que ele é ruim, eu não sei se isso acontece porque o Sonic não corre rápido o suficiente ou só porque o pulo foi mal-implementado mesmo, mas ainda é chato você ter que contar com o pulo duplo quase toda hora, a menos que você não se importe em ficar parando pra carregar o Spin Dash se quiser dar algum salto significante.

    ResponderExcluir
  45. A perda do momentum no pulo é um crime contra o gênero plataforming (Tanto que no S4 Ep 1 o Sonic tijolo é disparado, para mim, o maior problema do jogo, menos mau que é administrável)...Com Sonic, esse tipo de perda só faz agravar ainda mais a situação.

    ResponderExcluir
  46. Trailer é mais emocional do que técnico.

    É análogo à maquiagem estilo reboco nas mulheres. Por trás da argamassa pode se esconder um tribufu.

    ResponderExcluir
  47. É igual aquelas mina que usam photoshop nas fotos das redes sociais e quando vc encontra elas de vdd são uns dragões.

    ResponderExcluir
  48. Eu tbm nem achei Sonic 4 Ep 1 tão ruim assim, mas essa falta de inercia dele me incomodou, mais do que esse level design da dimps que todo mundo reclama

    ResponderExcluir
  49. Não entendi como você quer histórias pro Sonic, se é complexa igual a dos Adventures, é ruim, e se é simples igual desses últimos jogos, é ruim também.

    ResponderExcluir
  50. Sim, eu mesmo já devia ter aprendido isso com os vários trailers que faziam jogos ruins do Sonic parecerem bons, principalmente Sonic 2006.

    ResponderExcluir
  51. Uma história simples que não seja mal-escrita e dê vontade de assistir as cutscenes sem querer pular tudo depois, e não é tão difícil fazer isso... A própria Sega já fez antes com Sonic and the Black Knight, o jogo é indiscutivelmente uma bosta, mas a história dele é muito bem-escrita e ainda por cima é simples, os diálogos são bons, o próprio Sonic é bem-caracterizado como um herói com atitude/humor ao mesmo tempo que ele ainda é sério nas partes onde o jogo fica mais sério, por mim os roteiristas do Lost World podiam ser trocados pelos que trabalharam nesse sem problema algum.


    É muito mais inteligente fazer uma história pra um jogo de classificação livre que possa apelar pra qualquer público como a do Black Knight do que fazer um que claramente tem um público mais infantil como alvo e por isso talvez só crianças acabem gostando porque elas não precisam nem pensar muito pra acompanhar a história, como é o caso da do Lost World.

    ResponderExcluir
  52. Compreendo, pra mim já tava bom no Unleashed, a história era simples e não tinha nada irritante nela, o jogo pode ser chato (metade dele pelo menos) mas aquele podia ser o modelo das histórias seguintes do Sonic

    ResponderExcluir
  53. Achei engraçado que o Ryu gostou da soundtrack e não do jogo, comigo foi o contrário, gostei do jogo e achei as músicas fracas.

    ResponderExcluir
  54. Eu não gosto da história do Unleashed porque Chip e Werehog.

    ResponderExcluir
  55. Original the Character30 de dezembro de 2013 13:29

    Não gostei nem da trilha sonora, muito fraca pro nível de música que normalmente tem em Sonic, mas o resto do post é certeiro.

    ResponderExcluir
  56. Original the Character30 de dezembro de 2013 13:29

    Convenhamos que pelo menos ela não tem diálogos e piadas ruins igual as mais recentes.

    ResponderExcluir
  57. Original the Character30 de dezembro de 2013 13:30

    SONIC ELITE DO BRASIL

    ResponderExcluir
  58. Vladmir III, o punheteiro31 de dezembro de 2013 00:09

    Tipo aquele jogo da Sega que eu não lembro o nome (tinha alguma coisa a ver com Alien) e o resultado final ficou tão esdrúxulo que hemorroidas viraram cânceres de pele afro-americanos benzidos em óleo.

    ResponderExcluir
  59. Aliens: Colonial Marines? Nem joguei essa merda e não tenho interesse em jogar, mas isso deu até processo pra cima da Sega por propaganda engranosa.

    ResponderExcluir
  60. Vladmir III, o punheteiro31 de dezembro de 2013 00:14

    ISSO MESMO! Eu lhe invejo por nunca ter encostado as MÕES nesse <~insira palavra feia aqui~>.

    ResponderExcluir
  61. Vladmir III, o punheteiro31 de dezembro de 2013 00:14

    Bem... eu fui confiante ao trailer do jogo e fiquei cheio de esperanças. Daí eu joguei. Se fosse eu que tivesse feito a review, certeza que ficaria só no 2 mesmo.

    UPDATE BONUS:

    http://www.youtube.com/watch?v=3UjuYtgMDIg

    ResponderExcluir
  62. qenhe foce pensa que e pra jolgar o jogo/?

    ResponderExcluir
  63. Vladmir III, o punheteiro31 de dezembro de 2013 00:33

    Quem além de mim aqui já percebeu ou se perguntou por que nas cutscenes dos jogos do Sonic depois do Heroes sempre tem facepalms?

    ResponderExcluir
  64. Vladmir III, o punheteiro31 de dezembro de 2013 00:37

    Nem quando eu era criança eu gostava, ou achava engraçado, essas paradas toscas, até quando um dos meus irmãos assistia um desenho perto de um adulto eu ficava morrendo de vergonha... E só uma coisa inútil pra acrescentar no comentário: eu conheço um guri de 12 que acha disse que chamar ele de pré-adolescente é frescura. O porquê? Não sei.

    ResponderExcluir
  65. Ryu antes do SLW lançar:

    "História minimalista, nada de roteiro que parece fanfic escrita por crianças edgy de 12 anos, design com elementos cartunescos e minimalistas, novidades de gameplay tentam reaproveitar as sobras de Sonic X-treme, Eggman como "vilão", Sonic como único personagem jogável , cast de amiguinhosrsrs furries composto apenas pelos personagens clássicos, retorno de Badniks e animais...


    Agora você entende o que eu quis dizer? Pois é, Sonic Lost World parecia genuinamente um jogo do Sonic, sem cenários realísticos, sem humanos idiotas, sem histórias que parecem fanfics... Só Sonic, um ouriço que corre por cenários coloridos salvando animais acompanhado de uma história simples, porém legal, como sempre deveria ter sido."



    Ryu depois do SLW lançar:


    "História de merda"
    "Não parece jogo do Sonic"
    "Lixo"
    "Generations era melhor"


    Queimou a língua agora que jogou o jogo, hein

    ResponderExcluir
  66. Então isso significa que precisamos de um SONIC ADVENTURE 3!!!!!!!!!!!!

    calma ryu é brincadeira não me agride socorro

    ResponderExcluir
  67. Eu percebi que havia uma inconsistência no level design na versão do 3DS, na demo. e cara. COMO ASSIM EU NÃO SAIO CORRENDO QUANDO CARREGO E FAÇO O SONIC VIRAR BOLINHA? porra, SEGA. -q

    ResponderExcluir
  68. Deus, Diabo, Iemanja, Dark Gaia, etc

    ResponderExcluir
  69. Qual o problema do Unleashed? Todo mundo odeia esse jogo e eu nunca entendi o porque, as fases do LobiSonic são lerdas, mas as do Sonic normal compensam. .-.

    ResponderExcluir
  70. Quero meu prêmio.

    ResponderExcluir
  71. O único problema que as pessoas têm com Sonic Unleashed é que o jogo é uma merda.


    Fora essa única falha, realmente nem é tão ruim assim.

    ResponderExcluir
  72. Ok, esse boneco do Sonic aqui tá chegando aí na sua casa pelo correio, talvez daqui a uma semana você já vai ter ele.

    ResponderExcluir
  73. Eu creio que Sonic 4 Episódio I só é odiado assim por causa do nome, o "Sonic 4" acaba matando o jogo porque as pessoas criam expectativas altas, esperam que o jogo seja no nível dos antigos, mas isso tá muito além da capacidade da SEGA atual.


    Ele não é ruim, mas também não é bom, eu fiquei entediado jogando quase todas as fases desse jogo e nunca mais joguei de novo depois que passei do último chefão.

    ResponderExcluir
  74. Você podia fazer uma resenha de Crash Bandicoot.

    ResponderExcluir
  75. Você viu que o Sonic Lost World vai sair na Steam, Ryu? Pretende jogar outra vez no PC quando ele sair?

    Acho que você subestima muito esse game, ele tem as suas falhas sim e a história é um horror, mas não acho que merece uma nota 4, você tá colocando ele na mesma categoria que o Shadow the Hedgehog e o Sonic 4 Episódio 1 que são dois jogos muito mal feitos. Na minha opinião, o Lost World é mediano, consigo me divertir com ele, mas acho fraco perto dos outros Sonics 3D bons.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vi, mas não tenho interesse em jogar Sonic Lost World de novo pra postar outra review aqui, se isso é o que você quer saber.

      Acontece que, no meu conceito, Sonic Lost World é um jogo mal feito também, só não tanto quanto esses dois jogos aí. O Homing Attack é extemamente mal programado nesse jogo, o Parkour não foi muito bem pensado principalmente nas seções 2D, claramente eles colocaram pouco esforço na história, o Sonic é lento mesmo segurando o botão de correr... Até os visuais desse jogo que inicialmente me agradaram hoje em dia nem agradam mais porque eu vejo como eles são derivativos e como uns assets da Windy Hill são reusados na cara dura em fases como a Frozen Factory e a Sky Road.

      O único crédito que eu dou pra esse jogo é que pelo menos a ideia do Parkour foi legal, mas como eu não gostei nem de como esse jogo executa ela, eu espero que usem de outra forma caso ela volte. Isso aí pra mim é aquele tipo de jogo que se existisse ou não existisse, não faria diferença alguma dentro da série, não adiciona nada relevante de verdade nela e nem é memorável da sua própria maneira também. Se esse jogo realmente é mediano, então é que nem os Adventure ou o Heroes que são medianos de maneira que ou você pode amar ou então pode odiar, e no caso do Lost World, eu odiei.

      Mesmo 2 anos depois, eu ainda acho que esse jogo teve a recepção que mereceu.

      Excluir
  76. Joguei a versão da steam e meu deus, é tão ruim quanto você descreve nessa matéria.

    O que a SEGA tava pensando quando deixou o Sonic lento e fez esse Homing Attack bugado?

    ResponderExcluir

- Copyright © Blog do Ryu - Date A Live - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -